25/06/2014

A Igreja realmente entende porque (ou para quê) Jesus concede dons espirituais?

EDITORIAL

A Igreja realmente entende porque (ou para quê) Jesus concede dons espirituais?

No último trimestre, devido ao tema proposto pela Escola Dominical,  realizamos uma enquete com os irmãos que nos acessam em nosso blog, perguntando:"A igreja realmente entende para que Jesus concede dons espirituais?". Dentre algumas respostas, tínhamos a seguinte:" Não; atualmente é muita carne e pouco Espírito!". E, pasmem os senhores... esta foi aquela eleita como a resposta para a maioria daqueles que nos acessaram neste trimestre. 

Aparentemente,num primeiro momento, há uma certa prosperidade da igreja, parece que mais do que nunca, a igreja têm adquirido maturidade tal que permite-se ser reconhecida como Corpo de Cristo. Triste engano! Na realidade, vivemos sim um tempo de aparente prosperidade, com templos suntuosos, pastores eruditos, homens de visão muito empreendedora dentro da casa de Deus,mas, a despeito de tudo isso, muitos são aqueles que usam o dom de Deus para estabelecer um 'governo celestial' nesta terra, criam sua própria Sião neste mundo, como se aquilo que é imperfeito pudesse ser comparado com a glória suprema que aguarda a Igreja redimida. De fato, não se fala mais naquilo que é celestial, não parece uma prioridade render-se ao pensamento cristão de que estamos nesta terra de passagem e que,por isso, devemos investir na Canaã Celestial, priorizando-a, na certeza que os céus e terra passarão, não restando nenhuma esperança após isto!

E os dons? Uma coisa relaciona-se com a outra, uma vez que o objetivo central de Cristo ao conceder dons espirituais à Igreja é realmente para que esta torne-se testemunha viva de um ministério apostólico que não terminou com os doze,antes, continua (ou deveria continuar) através daqueles que optaram por viver esta fé. Os dons são, na verdade, ferramentas para o exercício de uma vida cristã com poder para testemunhar de Cristo num mundo que se opõe aos valores de Deus! Note o prezado leitor que,em nenhum momento, no Livro de Atos dos Apóstolos, a Igreja venceu no grito, no barulho, na baderna, no tumulto. Saibam todos que,muito embora os apóstolos testemunhassem com ousadia, esta ousadia não se traduzia em 'revolução' ou 'guerra', de maneira nenhuma! os Apóstolos venciam pelo poder que emanava [emana] das Escrituras! Leia o livro de Atos e veja se não é desta forma. As maiores perseguições a Cristo e  aos Apóstolos se davam não porque eles provocavam seus opositores,mas, porque estes ficavam desconsertados diante das exposições apresentadas e isto lhes causava maior furor.

Estes conceitos,então, que são rudimentares à fé cristã,muito embora estejam fora de moda, devem ser retomados por nós como o meio que realmente a nossa vida de fé fará sentido. Os dons existem para auxiliar-nos em nossa caminhada,pois:
a) Foi através de dons que Filipe pôde auxiliar aquele que lia a Escritura e não entendia (At.8.30);
b) Foi através de dom espiritual que Pedro deixou de temer diante das multidões,perdeu o medo e passou a ser testemunha de Jesus (At. 2.14);
c) .
d).
e).

E você? O que tem feito através dos dons ?

#paz #verdade_profética

Ads


Compartilhe!