15/01/2013

Dois tópicos de vitória em Caná da Galiléia

 "1 Três dias depois, houve um casamento em Caná da Galiléia, e estava ali a mãe de Jesus;2 e foi também convidado Jesus com seus discípulos para o casamento.3 E, tendo acabado o vinho, a mãe de Jesus lhe disse: Eles não têm vinho.4 Respondeu-lhes Jesus: Mulher, que tenho eu contigo? Ainda não é chegada a minha hora.5 Disse então sua mãe aos serventes: Fazei tudo quanto ele vos disser.6 Ora, estavam ali postas seis talhas de pedra, para as purificações dos judeus, e em cada uma cabiam duas ou três metretas.7 Ordenou-lhe Jesus: Enchei de água essas talhas. E encheram-nas até em cima.8 Então lhes disse: Tirai agora, e levai ao mestre-sala. E eles o fizeram.9 Quando o mestre-sala provou a água tornada em vinho, não sabendo donde era, se bem que o sabiam os serventes que tinham tirado a água, chamou o mestre-sala ao noivo 10 e lhe disse: Todo homem põe primeiro o vinho bom e, quando já têm bebido bem, então o inferior; mas tu guardaste até agora o bom vinho.11 Assim deu Jesus início aos seus sinais em Caná da Galiléia, e manifestou a sua glória; e os seus discípulos creram nele." (João 2)

Jesus inicia o seu ministério terreno com um milagre em meio a um casamento.Realizado em Caná,da Galiléia.O Mestre e seus discípulos haviam sido convidados e lá estavam reunidos para celebrar aquela união.Não sabemos quem eram os noivos,sabemos apenas alguns poucos dados como o local, algumas pessoas que estavam ali,e o mais importante: o evento ocorrido naquele lugar - o milagre de Jesus Cristo.Acredito que não foi por acaso que Jesus operou seu primeiro milagre num casamento,acredito que há uma certa simbologia entre este evento e o desenrolar do ministério de Cristo.Lembremo-nos que Jesus é apresentado como o Noivo (Mt.25.6;Ap.18.23) e Sua Igreja como a Noiva,aquela que aguarda ansiosamente a presença de seu amado.

O Senhor, então,em meio a um casamento,inicia a sua missão. Não a realizou durante os batismos de João Batista, não realizou durante um belo discurso à beira da praia, não realizou ao pé do Monte,não! Embora relutante (v.4),o Mestre realizou o primeiro milagre em meio ao silêncio. Em meio às escuras o Senhor transforma a água em vinho aos olhos daqueles que serviam, Jesus não operou às vistas dos noivos,muito pelo contrário, realizou diante daqueles que estavam naquela festa para o serviço, para o trabalho. Eis os pontos importantes deste Primeiro Milagre:

1-Só vê milagre quem serve ao Senhor

Os serventes em tudo obedeceram ao Senhor,desde o momento em que a Mãe do Mestre dá uma direção,até a hora que Cristo manda que sirvam.Aqueles homens que estavam trabalhando naquele casamento foram as testemunhas de todo aquele milagre operado pelo Senhor Jesus.Desde o início,eles foram participantes daquilo que,embora não soubessem, seria o milagre do Mestre. Naqueles homens cumpriu-se a Palavra que diz:
 "Sofre dores e trabalha, ó filha de Sião, como a que está de parto; porque agora sairás da cidade, e morarás no campo, e virás até Babilônia. Ali, porém serás livrada; ali te remirá o Senhor da mão de teus inimigos." - Miqueias 4.10
Ou seja, aqueles que se dedicam ao trabalho ao Senhor tem sobre si mesmos, uma Palavra liberada que garante o pagamento sobre tudo aquilo que realizam por amor a Cristo.Em outro momento, a Escritura diz:
"Ora, ao que trabalha não se lhe conta a recompensa como dádiva, mas sim como dívida." - Romanos 4.4

Então,o pagamento pelo trabalho que realizamos a Cristo,não se trata de uma dádiva, apenas, mas,do justo pagamento sobre aquilo que fizemos a Ele.Não é meramente uma bênção,que é fruto da misericórdia de Deus sobre nós,mas, é uma resposta ao empenho que realizamos no desenvolvimento da obra dele.Os homens trabalhavam para Cristo e tiveram o privilégio de estar inseridos naquele milagre tremendo.Talvez naquele momento eles não entendessem nada,apenas obedeciam ao Senhor,sem saber que rea o Cristo de Deus,apenas obedeciam.... Quem sabe você,meu leitor, tem obedecido a Cristo meio que sem saber o que está fazendo, quem sabe você tem feito aquilo que Jesus te tem mandado sem saber o motivo ou o por quê,saiba que,assim como aqueles homens viram milagres e foram instrumentos naquela situação,tu também serás em nome de Jesus.Deus está te usando pra que você participe do milagre dele!


2-Nos locais improváveis e em eventos inesperados

Jesus Cristo é,certamente, uma figura que tem o poder de nos surpreender em vários momentos.Ele não é previsível.Em muitos momentos a Bíblia descreve o Senhor tomando atitudes que contrariariam o conceito [distorcido] de certo e errado da época. Os fariseus, por exemplo,tinham muita resistência a Jesus justamente por isso,porque eles perderam tanto tempo na construção de uma religião imaculada e perfeita,livre de erros,que perderam toda a essência da Lei,da justiça divina.E, em um desses encontros com o Senhor, tentando fazê-lo cair nas próprias Palavras, o questionou sobre o estar perto daqueles que eram os mais errados da sociedade.
"Veio o Filho do homem, comendo e bebendo, e dizem: Eis aí um comilão e bebedor de vinho, amigo de publicanos e pecadores. Entretanto a sabedoria é justificada pelas suas obras." -Mateus 11.19

Incrivelmente,era no meio de onde habitava o erro,era onde imperava as forças das trevas, nos locais esquecidos e dominados pela opressão do inferno,que Jesus voltava seus olhos, não eram as grandes catedrais,não eram os palácios de Herodes, a glória de Roma que atraía o olhar do Messias,muito pelo contrário,aquele desprezado e oprimido era (e ainda é...) o foco de Jesus Cristo! Aquilo que muitas vezes nos encanta,nos tira o fôlego, nos leva a querer obter,nada tem a ver com o foco daquele que é o nosso Redentor. Os religiosos almejam o resplendor de uma grande catedral, adornada com o melhor desta terra, valorizam a aparência de piedade,mas, Cristo deseja estar ao lado daqueles que não tem esperança,ao lado daqueles que estão aprisionados pelo opressor.

E, naquele lugar improvável,que era uma festa de casamento, Jesus decide,então, nos surpreender já neste primeiro momento.Decide fazer o milagre durante um casamento, mostrando,entre outras coisas,que para ele não há um lugar específico para realizar aquilo que ele mesmo determinou,como está escrito:
" Respondeu-lhes: A vós não vos compete saber os tempos ou as épocas, que o Pai reservou à sua própria autoridade." - Atos 1.7

Então,amigo leitor,quem sabe se não é hoje o dia do seu milagre? quem sabe ele não virá no lugar mais improvável que você imagina? talvez Deus queira o realizar,porém, como aqueles que serviam na festa,você precise se render àquilo que Jesus lhe manda fazer? E,juntando estes dois passos,servido ao Senhor e estar pronto para receber o teu milagre em qualquer lugar,você será vitorioso em nome de Jesus!

Conclusão:

Iniciamos este post com a proposta de desenvolvê-lo com o enfoque no "início".No desenrolar,porém, Deus nos direcionou por outros caminhos e,quer saber, foi bem melhor! Entender sobre os dois tópicos que levaram ao milagre em Caná, com base em João 2, foi uma experiência enriquecedora,espero que tenha sido para ti também!

Ads


Compartilhe!