19/02/2015

Subsídios da Lição 10 - Não furtarás

SUBSÍDIO TEOLÓGICO I

"Furto - A palavra grega nosphizomai foi assim traduzida em Tito 2.10. Paulo insiste na necessidade de o servo cristão (doulos) evitar responder e 'furtar'. Essa palavra significa 'roubar' ou se apropriar ilegalmente de alguma coisa, como Acã fez em Jericó (Js 7.1). 0 mesmo verbo grego é usado em Atos 5.2,3, onde Ana- nias apropriou-se ou conservou para si mesmo uma parte da venda de uma propriedade" 

(PFEÍFFER, Charles F. (Ed). Dicionário Bíblico Wycliffe. 7.ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2010, p. 827).

SUBSÍDIO TEOLÓGICO II

"Também passa a ser roubo o ato de tirar vantagens de outrem na venda de propriedades ou produtos, ou na administração de transações comerciais. É impróprio pagar salários mais baixos do que devem receber por direito. O amor ao dinheiro é o pecado básico condenado por este mandamento. A obediência é perfeita somente com um coração puro" 

{Comentário Bíblico Beacon.Vol 1. l.ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2005, p. 191)


SUBSÍDIO TEOLÓGICO III

"Minar era a ação de cavar uma parede de barro em propriedade alheia. Se o intruso fosse pego no ato e morto, não haveria de culpar a quem o matasse. Tratava-se de homicídio justificável. Se houvesse decorrido tempo, como dão a entender as palavras ‘se o sol houver saído sobre ele", então matar o ladrão não seria justificável e tal assassinato estaria sujeito à pena. É possível que o significado desta cláusula seja que não havia culpa matar o ladrão à noite, mas que constituía delito fazê-lo durante o dia. Em todo caso; se o ladrão vivesse, teria de fazer restituição total ou, se não pudesse pagar, seria vendido como escravo.

Se o ladrão não tinha matado ou vendido o animal que roubara, ele poderia fazer restituição pagando em dobro em vez de quatro ou cinco vezes mais. Neste caso, ele devolveria o animal roubado e acrescentaria mais um" 

(Comentário Bíblico Beacon, Vol 1. l.ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2005, p.197).


Ads


Compartilhe!